GOVERNO VAI LANÇAR BASE DE DADOS PARA LOCALIZAR PESSOAS DESAPARECIDAS

Por Agnaldo Rios 05/02/2018 - 21:28 hs

O governo federal vai apresentar um projeto de unificação de dados de todas as pessoas desaparecidas, nesta segunda-feira (5). Com apoio do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que mantém a maior base de informações biométricas dos eleitores, o sistema vai contar com números de documentos e mecanismo de reconhecimento via impressões digitais e imagem facial. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, com esse cadastro, quando a pessoa desaparecida se apresentar para fazer um novo documento em qualquer lugar do país, o sistema emitirá uma alerta dizendo que ela está sendo procurada. De acordo com a publicação, o governo pretende ainda exigir que as maternidades façam a coleta da impressão palmar dos recém-nascidos para que as crianças já tenham a biometria cadastrada na certidão de nascimento. Criado pelo Conselho Nacional do Ministério Público, o projeto será lançado junto com o documento de Identificação Civil Nacional, que une informações da certidão de nascimento, do Cadastro de Pessoa Física (CPF) e do título de eleitor.BN